Ir para o site

Diário de gravação #7 – O erudito Daniel Brandi

Dan era um músico erudito, até se integrar ao nosso trabalho!

Vocês perceberão um padrão agora: quem trouxe Daniel Brandi para nosso trabalho? Ele mesmo. Clayton Neri. O multipremiado pianista e acordeonista Dan (para os íntimos) também era amigo de longa data de Claytin e apareceu para mim em 2012, quando o maestro chamou ele e o irmão, Elton Brandi, para gravar umas demos no estúdio do querido Flávio Henrique (que está nos olhando de um bom lugar, certamente).

Dan é um cara brilhante e tímido. Mas já foi mais. Quando o conheci, qualquer comentário engraçadinho (pra não dizer outra palavra, já que nossa banda é muito sem vergonha) o deixava completamente vermelho (ele é muito muito branco). Depois de anos de convivência, ele também faz comentários engraçadinhos. Ele topa vários shows só comigo. Piano e voz. Ele faz arranjo lindo de tudo. E fica tudo lindo.

Por um tempo, achei que Dan não permaneceria na nossa banda. Ele é um músico com formação erudita, premiado pelo BDMG algumas vezes, e a cada dia, nosso trabalho exigia mais das habilidades populares dele. Mas tivemos um papo extremamente honesto há alguns anos em que ele me disse de sua vontade de estar ao lado de pessoas que ele gostava de trabalhar junto, que ele admirava. E que ele queria muito desenvolver novas habilidades, bastasse que nós quiséssemos ajudá-lo com isso.

Eu, que não sei nada de música, saberia que essa seria uma tarefa para Claytin, maestro que sempre traduziu minha linguagem simples para o erudito Dan. Sempre deu certo. Agora, que nosso trabalho está ainda mais pop, Dan me disse que se identifica ainda mais com os teclados. Até mais do que com o piano. Eu fiquei positivamente chocada e animada.

Porque, mais uma vez, eu dei sorte na vida. Um músico premiado, talentoso e sensível na nossa banda é mais do que eu poderia imaginar um dia. E eu tenho vários deles comigo. <3

Arabesco

Faça o download do EP "Flávia Ellen" e do single "Filme de Amor"!
Download